Panasonic mantém produção de TVs no Brasil só até dezembro

TVs e aparelhos de áudio Panasonic continuarão sendo produzidos pela empresa em Manaus até o final do ano. Em dezembro, as lojas que trabalham com a marca também interromperão as vendas desses produtos. No início do mês, o grupo anunciou sua saída do mercado brasileiro, após uma sequência de maus resultados financeiros motivados pela queda nas vendas.

Por email, a Panasonic informou que a decisão segue uma “direção estratégica global, considerando o atual panorama econômico do país”. Produtos de TV e áudio são apenas duas das linhas que a empresa produz no Brasil, incluindo microondas, máquinas de lavar, baterias e soluções para o segmento corporativo (B2B). Além de Manaus, a Panasonic mantém fábricas de geladeiras e máquinas de lavar em Extrema (MG) e de pilhas em São José dos Campos (SP).

Segundo o vice-presidente da empresa, Sergio Epof, o segmento de TVs tornou-se inviável porque exige que o fabricante produza também componentes como processadores e painéis (estes representam 70% do custo de um TV). “Passamos a investir em outras categorias, como linha branca, pilhas e setor automotivo, áreas que estão crescendo”.

A exemplo da Sony, que encerrou suas atividades no Brasil no final do ano passado, a Panasonic não deixa claro como ficará o atendimento aos clientes a partir de 2022. Sobre assistência técnica e reposição de peças de seus aparelhos, a empresa informou apenas que “cumprirá a legislação”.

FONTE: Panasonic do Brasil

Temas relacionados:

Teste completo: TV Panasonic OLED 4K com calibragens THX e Netflix

Panasonic traz projetores com inovações para uso profissional

Sony fecha fábrica e encerra produção no Brasil

Multilaser vai relançar produtos com a marca Sony