Estudo mostra crescimento dos projetores microportáteis

Graças principalmente à expansão do mercado chinês, as vendas de projetores microportáteis continuaram aumentando ao longo de 2015. É o que informa o mais recente estudo da PMA, principal empresa de pesquisas especializada nesse segmento do mercado internacional. No levantamento, baseado em informações dos próprios fabricantes, as vendas globais subiram 49% em relação a 2014.

Segundo a PMA, esse segmento já foi maior, até 2012, quando começaram a ser lançados projetores embutidos em smartphones, câmeras, tablets etc. Mas, desde o ano passado, muitos consumidores começaram a se dar conta de que, para obter imagens com bons níveis de brilho, era necessário consumir toda a bateria do aparelho. Ao mesmo tempo, a indústria passou a desenvolver chips Full-HD de custo mais baixo e com suporte a redes Wi-Fi e 4G, entre outros avanços.

No mercado americano, as vendas de projetores da categoria “pico” cresceram 55% até novembro último, diz a pesquisa. Mas, na China, essa expansão foi três vezes maior. Voltou a procura por modelos microportáteis, que podem ser facilmente transportados e usados e diversas situações, tanto em casa quanto em atividades profissionais.

Para 2016, as previsões são de aumento da demanda em segmentos como escolas, treinamento, saúde e até aerospacial.
FONTE: Display Daily
COMPARTILHE COM SEUS CONTATOS: