Consultoria analisa o que se pode esperar da CES 2019

Por Nicola Finn

Antes que as luzes sejam acesas e o público comece a invadir os estandes, aqui vai uma rápida análise sobre o que nós, da Futuresource Consulting, esperamos ver em Las Vegas este ano. As tendências que apontamos foram coletadas por nossa equipe dedicada ao setor de eletrônicos de consumo, destacando o que nos parece mais relevante em TVs, áudio doméstico, fones de ouvido, caixas acústicas e outros aparelhos smart.

Com mais de 4.500 expositores, 250 conferências técnicas e quase 200 mil visitantes, vindos de 150 países, acreditamos que as dicas da Futuresource poderão ajudá-lo a não perder nenhum tópico importante da CES 2019. E, durante o evento, nosso time estará nos estandes e salas de conferência para auxiliar que os interessados tenham a melhor experiência, seja presencial ou online.

Tendências em TVs

Uma boa variedade de TVs 8K estará em exibição nos estandes dos principais fabricantes, que vão continuar brigando pelas melhores posições nesse segmento premium. Pode-se esperar um foco em tecnologias avançadas, que serão apresentadas como solução para o problema da falta de conteúdos 8K no curto prazo.

Dados da Futuresource revelam crescimento de 69% em 2018 nas vendas de TVs OLED, que portanto permanece sendo prioridade para muitas marcas. Embora já exista há alguns anos, diversos fabricantes estão entrando nesse segmento, inclusive com preços finais mais competitivos. Isso já tem impacto sobre o varejo, com muitos consumidores colocando TVs OLED em suas listas de compra. Além disso, a competição entre LG e Samsung (OLED x QLED, respectivamente) faz prever intensas atividades promocionais para dar destaque aos benefícios dos dois tipos de TV.

Controle de voz x controle remoto

Os chamados VAs (assistentes de voz) são a mais recente inovação pensada para tornar menos complicada a experiência do consumidor com seus TVs. Google e Amazon estão no centro dessa arena, e assim continuarão em 2019, com novos recursos de conexão com outros dispositivos. Mas esperem que a Samsung faça grande barulho desta vez, com seu assistente virtual Bixby.

Inteligência Artificial vira Ecossistema

A Inteligência Artificial – conhecida pela sigla AI – ainda está em seu primeiro estágio de evolução, com produtos que, quando muito, desempenham tarefas básicas e bem específicas. No entanto, os grandes desenvolvedores estão no meio de um processo que irá colocar seus softwares na maior quantidade possível de dispositivos. O objetivo não é apenas construir um ecossistema no qual os usuários confiem em seus comandos de voz, mas também coletar mais dados sobre seu comportamento. Isso depois será usado para gerar novas receitas através de ações de marketing altamente direcionadas.

Marcas, 8K e OLED

A Futuresource prevê maior expansão na oferta de produtos, e também em na qualidade técnica, dos displays de alto padrão exibidos durante a CES. A chinesa Hisense é uma das fabricantes que recentemente entrou no segmento OLED com uma ampla linha, portanto será destaque na Feira. Marcas chinesas, por sinal, devem aderir à tendência do 8K, embora não tenhamos ainda visto nenhum produto.

Até agora, somente a Samsung não lançou TVs OLED, enquanto a Sharp está em vias de fazê-lo. Vizio, Haier e LeEco devem aproveitar a CES 2019 para exibir suas opções. 

Fones de ouvido fazendo barulho

Após ressurgir com força nos últimos anos, essa categoria de produto não dá sinais de recuo. Prepare-se para ouvir grandes notícias no evento, incluindo inovações como True Wireless, hearables e VAs, partindo de marcas já consagradas e de outras emergentes. Este será o ano das baterias com vida útil estendida, com muitos produtos superando a marca das 8 horas de duração, graças a um novo chip da Qualcomm.

O carregamento de aparelhos portáteis via Bluetooth 5.0 e USB-C se tornará popular, estimulando os inevitáveis upgrades. A Sony é uma das fabricantes que já anunciou o lançamento, em 2019, de sua linha True Wireless. Não temos certeza se estará em exposição na CES, mas será natural. Fiquemos de olho na Sony.

No campo dos fones “com fio”, todos os sinais apontam para maior oferta de fones com USB-C, após o lançamento do iPad Pro com esse conector. Esse segmento de mercado ainda está mal atendido, portanto temos uma ótima oportunidade para novos fornecedores.

E vem aí mais integração do Alexa aos fones de ouvido, consequência do novo kit desenvolvido pela Amazon em parceria com a Qualcomm. O Google Assistant também deve ter novas aplicações anunciadas em Las Vegas.

Chegou a hora dos hearables

Esta é uma categoria relativamente nova de produtos, que deverá oferecer muitas demonstrações durante a CES 2019. São fones de ouvido específicos para uso colado ao corpo (daí o nome, uma mistura de earphone com wearable) e, portanto, miniaturizados. Marcas como Wear&Hear, Oticon e Audio Analytic estão na linha de frente, inclusive com aparelhos para deficientes auditivos que combinam recursos de fones convencionais.

As novas tecnologias de áudio prometem grandes avanços, seja no campo do 3D, reprodução imersiva e head-tracking, também conhecido como “áudio binaural”, que adapta o sinal sonoro conforme percorre a cabeça do ouvinte. Dois destaques serão o novo padrão Dolby Dimension, criado para ouvir música em casa, e o Mobius, da fabricante de fones Audeze, candidato ao prêmio CES Innovation (imagem acima).

Um novo fone da Pioneer, do tipo over-ear, com cancelamento ativo de ruído, que acaba de ser lançado, já traz Google Assistant embutido. Também veremos na CES os fones Surface, da Microsoft. Sem falar nos novos wearables JBL Soundgear e Bose Soundwear.

Casa inteligente e eletrodomésticos

Agora que os controles de voz estão invadindo as casas, muito será falado sobre AI e IFTTT (If This Then That), com dezenas de marcas e desenvolvimentos. Observe as discussões sobre o futuro da casa inteligente, incluindo luzes, cortinas, aquecedores e demais recursos que se ajustam automaticamente à chegada do dono da casa.

E prepare-se também para uma nova leva de dispositivos sem fio, principalmente em iluminação, como as lâmpadas Wi-Fi, de marcas como LIFX e WiZ. São itens que despertam os debates sobre privacidade e segurança de dados, outros grandes assuntos nesta CES.

Horizontes para o mercado de áudio

Não será surpresa se Amazon e Google continuarem dominando o evento. Mas o Facebook já anunciou que irá integrar o Google ao seu dispositivo Portal, recém-lançado nos EUA (veja o vídeo), ideia que a Sonos abandonou em 2018. Na última IFA, em setembro, vimos muitos lançamentos em smart speakers, mas não da Samsung, que deve dar o troco agora. A equipe da Futuresource acredita que haverá muitos mais no evento, embora talvez não sejam muito notados porque os controles de voz estão presentes em outras categorias de produto.

Em muitos casos, o simples fato de uma caixa acústica ser smart não vem acrescentando muito nas vendas. Por isso, os fabricantes procuram novas maneiras de se diferenciar. Veremos quais são elas. Haverá caixas Bluetooth com controle de voz, numa faixa de preço bem acessível (em torno de US$ 100).

Esperamos ver mais caixas smart que já vêm com seus displays, de marcas como JBL, Xiaomi, Tencent, Alibaba e LG. A voz irá penetrar mais fortemente o segmento de soundbars na CES 2019, podendo-se esperar novidades de LG, Sony, Samsung e outras. Na IFA, vimos que as soundbars já estão trazendo áudio imersivo, e nossa equipe aposta nessa tendência. 

Nicola Finn é analista de mercado da Futuresource ([email protected])

Facebook
Facebook
YouTube
YouTube
Instagram

htbest

%d blogueiros gostam disto: